Stibo Systems - The Master Data Management Company
Stibo Systems - The Master Data Management Company

Master Data Management: O Ponto de Vista de um Novato em MDM

November 08 2017


Confesso que antes de começar a trabalhar na Stibo Systems, e apesar dos meus 17 anos de experiência trabalhando na indústria da tecnologia, meu conhecimento sobre MDM era muito limitado. Tive a percepção inicial de que se tratava de outra tecnologia de inteligência de negócio (BI). Mas não é.


novato.jpg

 

O problema com as tecnologias de BI é que elas são tão boas quanto os dados que as alimentam, utilizando uma frase grosseira: garbage in, garbage out. Então, percebi rapidamente que o MDM desempenha um papel muito mais fundamental no gerenciamento efetivo de dados.

Utilizando o que aprendi até o dia de hoje, vou tentar resumir o MDM com uma breve descrição:

O MDM conecta dados de silos internos e fontes externas diferentes para criar uma visão de alta precisão de 360 graus dos dados do cliente e do produto, simplificando o processo de venda e a retenção de clientes.

Com a implementação correta e estratégia de dados, o MDM pode ajudá-lo a vender mais para um número maior de pessoas, porque melhora a sua capacidade de gerenciar o relacionamento entre produtos e clientes. Para simplificar: você pode ver mais e participar melhor.

Com o MDM atuando como o centralizador dos dados, suas ferramentas de BI podem começar a agregar valor. Você obtém mais informações sobre como, o que e onde seus clientes compram. Informações sobre onde há bloqueios em sua cadeia de suprimentos e onde os investimentos em produtos e serviços produzirão retornos mais elevados. Isto entre outros benefícios.

Sei que faço soar como algo simples e honestamente, acredito que é. Tentar disfarçar um MDM como algo tão complexo seria uma divergência da verdade. Outra coisa que notei durante o meu curto período de tempo nesta posição é que não há nada rápido e simples sobre a realização de um projeto MDM.

Trabalhamos com clientes em projetos comerciais de grande escala, muitas vezes global, envolvendo stakeholders, escritórios e uma ampla gama de processos e tecnologias de negócios de todo o mundo. Obviamente, colocar sua casa em ordem com a tecnologia centralizada levará tempo, para não mencionar muito planejamento e manutenção cuidadosa.

Se você já esteve envolvido em projetos de tecnologia em larga escala, então não estou lhe dizendo nada que você já não conheça. E a minha intenção não é te dizer que um MDM é algo diferente disso, pois não é. No entanto, é a ferramenta mais importante em seu arsenal na luta para gerenciar e usar a inundação de dados para obter um efeito lucrativo.

Eu também perguntei, no início, por que não usar seus sistemas ERP e CRM para gerenciar seus dados? Mas simplesmente, eles não conseguem lidar com isso. Tanto eles, como os sistemas transacionais, não funcionam bem como bancos de dados relacionais, e não são projetados para aumentar a precisão dos dados.

Todos sabemos que a quantidade de dados gerados está aumentando, e com isso,  nossa compreensão dos nossos clientes, suas necessidades e drivers. Mas é o que você faz com essa informação que conta.

Li muito sobre o impacto do MDM em diferentes indústrias, mas existe um benefício universal que eu acho que se relaciona com todos, independentemente do que eles fazem e de quem eles servem e é o seguinte:

Com uma maior compreensão do cliente, é mais fácil criar produtos e serviços para atender a uma necessidade específica e, quando for possível, você verá que é muito mais fácil vender e reter seus clientes.

Depois de passar pelo treinamento do produto STEP MDM (e certamente não tenho uma mentalidade técnica), testemunhei em primeira mão como novos produtos podem ser criados e implementados em minutos. Aprendi:

  • Como você pode visualizar e gerenciar dados conectados de várias fontes em uma única visualização
  • Como os dados estão conectados através de outros sistemas comerciais
  • Como seus clientes obtêm uma experiência amplamente melhorada que aumenta as vendas

E muito mais.

 


For two decades I’ve helped businesses find solutions to a variety of challenges. Today those challenges focus on how to extract value from your master data.



← Previous Post
Next Post →